,

Quem somos

A Igreja Cristã Gileade é uma comunidade comprometida em amar a Deus, amar uns aos outros e proclamar Jesus, vivenciando relacionamentos em Pequenos Grupos, de casa em casa, como também nos grandes ajuntamentos de Celebração. Somos uma comunidade de discípulos que cresce em comunhão, restauração, edificação, serviço, contribuição e evangelismo através de:

  • Grandes Ajuntamentos, nos quais podemos expressar nosso amor a Deus por meio das celebrações;
  • Através dos Pequenos Grupos, em que o amor uns aos outros é vivido por meio de relacionamentos;
  • Através do compromisso pessoal de cada membro, que se responsabiliza a proclamar Jesus conforme nos foi ordenado em Mateus 28.

NOSSA MISSÃO

Amar a Deus (Mt 22:37), amar uns aos outros (Jo 13:34,35), adorar, glorificar, e proclamar a Jesus (Mt 28:19,20), formando discípulos (Mt 28:19,20) apaixonados por Ele que servem e compartilham sua fé mutuamente.

NOSSA VISÃO

Ser uma igreja onde se vive uma vida cristã equilibrada e uma espiritualidade contagiante, uma igreja relevante na comunidade onde está inserida.

NOSSA PROPOSTA

IGREJA AUTÔNOMA. Uma comunidade com forma de governo local e detentora do patrimônio, gerencia seus recursos e tem voz ativa em todas as esferas das decisões. Cremos que autonomia é liberdade com responsabilidade. Estamos unidos com outras igrejas Gileade pelos laços fraternais do amor e pela identidade teológica e doutrinária.

IGREJA MISSIONÁRIA. Queremos atuar de maneira plena na sociedade e contribuir para a restauração integral da vida de homens e mulheres, conforme ensinado nas Sagradas Escrituras e no poder do Espírito Santo.

IGREJA DISCIPULADORA. Queremos obedecer ao verbo imperativo descrito em Mateus 28:19-20, conforme Jesus instruiu, entendendo que o discipulado é transmissão de vida, que passamos enquanto estamos vivendo, sendo exemplo, e não como um programa eclesiástico. Este discipulado deve ser amoroso, pessoal e espontâneo.

IGREJA TEOLOGICAMENTE EQUILIBRADA. Não nos apegamos a extremos doutrinários. Não nos escusaremos aos debates, mas não faremos conjecturas, especulações sobre assuntos não revelados por Deus (Dt 29:29). Nas questões de difícil interpretação buscaremos o consenso e a autoridade das Escrituras.

IGREJA TRANSPARENTE. É direito da comunidade e obrigação da liderança informar com clareza e honestidade todas as questões de ordem administrativas, morais ou espirituais. Queremos a transparência em todas as áreas de nossas igrejas e em nossos relacionamentos.

IGREJA PENTECOSTAL com Solidez Bíblica. Nossa única regra de fé e conduta é a Bíblia, a Palavra de Deus (II Co 5:7). Toda a nossa celebração, teologia e ministração se fundamentam na solidez da fé bíblica. A razão deve confirmar nossa reflexão de fé. A Bíblia é a autoridade e juiz em nossas experiências pentecostais e obedeceremos às recomendações de I Co 14. Cremos nas operações do Espírito para os dias de hoje como promessa do próprio Jesus em Mc 16:16-18, e como aconteceu no Dia de Pentecostes como capacitação para testemunhar conforme At 1:8.

IGREJA RELEVANTE. Nossa relevância está em nossa própria história. Não abdicaremos da fé bíblica, da preservação da nossa história, nem da nossa identidade. Desejamos afetar o mundo com a mensagem de Cristo e disso não abrimos mão. Desejamos a reflexão social sem utopia e sem demagogia. Nossa prática social é de engajamento que nasce da nossa vivência junto à comunidade onde estamos inseridos.

Portanto, vão e façam discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo (Mateus 28:19)

O significado de Gileade

Bálsamo de Gileade
Território montanhoso ao oriente do Jordão. O país era acidentado, rico em florestas, com ricas pastagens (Nm 32:1), e produzia especiarias e gomas aromáticas (Gn 37:25). O ‘bálsamo de Gileade‘ era a seiva duma árvore que crescia naquela região, que tinha substância de valor para cura de inflamações. Também tinha médico em Gileade (Jr 8:22b).

CistusCreticusCistus creticus. Este, é o nome científico, da planta que é associada ao bálsamo de Gileade. Ela é comum na região oriente do Jordão. As folhagens, são muito perfumadas. Jeremias, usa então uma metáfora apontando para Gileade, seu bálsamo, seus médicos. Israel, precisava ir a Gileade.

O bálsamo, é a alma da planta. É vida. A planta sofre para minar o precioso líquido. Algumas vezes, é raspada, quebrada e até morta. Ela se doa, para que outros tenham vida. Foi assim com Cristo Jesus. Em muitos estudos, Ele é considerado O Bálsamo de Gileade. Entregou sua vida, derramou seu sangue, em favor de muitos. Através d’Ele, temos a cura, do corpo e do espírito. Verdadeiramente Ele tomou sobre si as nossas enfermidades, e as nossas dores levou sobre si, por isso somos sarados. Is 53:4

 

Cura em Gileade
A Bíblia nos diz, em Romanos 12:2, para não nos conformarmos com este mundo, este mundo tem levado as pessoas às mais terríveis condições de pecado e de enfermidade física ou emocional (stress, depressão ou coisa semelhante), mas na Gileade de Deus (IGREJA) podemos achar resposta para os nossos anseios, curas para as enfermidades. Quando alguém está doente, é automática a procura de hospital para se consultar com um médico, para ser curado do mal (enfermidade), mas nem sempre a procura do médico (o profissional de medicina) consegue resolver a necessidade de quem procura socorro. Essa é a hora de ir à procura do “médico dos médicos”, para encontrar a resposta para seus anseios, pois na Gileade de Deus (IGREJA), há médico, há remédio. Havia cura para Israel. Mesmo tendo sido tão rebelde. Sempre haverá cura para os que se voltam a Gileade. A salvação em CRISTO. A Bíblia nos diz que em Cristo Jesus, “estão escondidos todos os tesouros da sabedoria e da riqueza” (Colossenses 2:3). Se estão escondidos, temos que procurá-los e encontrá-los, assim, seremos participantes dessa herança eterna.. Jesus, o Bálsamo de Gileade, já pagou o preço por nós. Temos apenas que reconhecê-Lo, segui-Lo. Então, seremos salvos.

Por que não ser Gileade? Por que não se doar para que outros tenham vida?

Refúgio em Gileade
Gileade era um lugar especial, lá havia respostas para os anseios, mas, nem sempre o povo se dava conta disto, ali acampou (refugiou) Jacó quando foi perseguido pelo sogro Labão. Quando Labão alcançou a Jacó nas montanhas de Gileade, veio porém Deus a Labão num sonho de noite e lhe disse: ‘guarda-te, não fales a Jacó nem bem nem mal‘ (Gn 31:21-24). Foi refúgio dos israelitas, quando se livravam dos filisteus (1 Sm 13:7), refugiando-se ali também os filhos de Saul (2 Sm 2:8,9), e depois o rei Davi quando fugia de seu filho Absalão, e foi também refúgio para o exército de Gideão.

“Quem for medroso e tímido, volte e retire-se apressadamente das montanhas de Gileade. Então, voltaram do povo vinte e dois mil, e dez mil ficaram” Jz 7:3.

Gileade, é lugar de valentes. De pessoas dispostas a vencerem. Pessoas que não se conformam com o mal. Que querem a cura da alma, do espírito. Por que não ser Gileade?

Assim como Gileade foi lugar de refúgio aos olhos de Jacó, dos israelitas, dos filhos de Saul e do rei Davi, e o exercito de Gideão que viram aquele lugar como respostas para sua segurança. Hoje, o lugar ideal para os nosso refúgio é a Gileade do tempo da graça (IGREJA), onde podemos, encontrar socorro e segurança, mesmo que tenha um exército perseguindo você, você vai lembrar do Salmo 27 que nenhum mal vai acontecer com você, pois você encontrou refúgio na Gileade de Deus (Igreja do Senhor).

Essa é a definição do nome GILEADE que atribuímos a nossa denominação. O objetivo é nos propormos como:

Um lugar seguro, de refúgio, de cura e de unção

,

Nossa declaração de fé

CREMOS

Em um único Deus (Is.45.5), Criador de “todas as coisas” visíveis e invisíveis (Is.44.24; Cl. 1.16-17), atemporal (Is.40.28), ilimitado e imaterial (Jo.4.24), pessoal (Gn.1.26) e Santo (Sl.22.3), subsistente em três pessoas: Pai, Filho e Espírito Santo (Mt.3.16,17), onisciente, onipotente e onipresente (Hb.4.13; Gn.17.1; Sl.139.7) e que governa soberanamente todas as coisas (Sl.103.19; Jr.10.23; Lm.5.19).

Na inspiração verbal da Bíblia Sagrada, única regra infalível de fé normativa para a vida e o caráter cristão (2Tm.3.14-17).

Na concepção virginal de Jesus, em sua morte vicária e expiatória, em sua ressurreição corporal dentre os mortos e sua ascensão vitoriosa aos céus (Is.7.14; Mt.1.20; Rm.8.34 e At.1.9).

Na pecaminosidade do homem que o destituiu da glória de Deus, e que somente o arrependimento e a fé na obra expiatória e redentora de Jesus Cristo é que pode restaurá-lo a Deus (Rm.3.23; Ef.2.1-3 e At.3.19).

Na necessidade absoluta do novo nascimento pela graça mediante a fé em Cristo e pelo poder atuante do Espírito Santo e da Palavra de Deus, para tornar o homem digno do Reino dos Céus (Jo.3.3-8, Cl.3.9,10 e Ef.2.8-9).

No perdão dos pecados, na salvação presente e perfeita e na eterna justificação da alma recebidos gratuitamente de Deus pela fé no sacrifício efetuado por Jesus Cristo em nosso favor (At.10.43; Jo.5.24 ; 1Ts.5.9, Hb. 5.9; 7.25 e Rm.1.1).

No batismo bíblico efetuado por imersão do corpo inteiro uma só vez em águas, em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, conforme determinou o Senhor Jesus Cristo (Mt.28.19; Rm.6.3-6 e Cl.2.12) e na Santa Ceia como ato memorial de sua morte (1Co.11.23-29).

Na necessidade e na possibilidade que temos de viver vida santa mediante a obra expiatória e redentora de Jesus no Calvário, através do poder regenerador, inspirador e santificador do Espírito Santo, que nos capacita a viver como fiéis testemunhas do poder de Cristo (Hb.12.14; 1Ts.5.23 e 1Pe.1.15).

Na atualidade dos dons espirituais distribuídos pelo Espírito Santo à Igreja para sua edificação, conforme a sua soberana vontade (1Co.12.1-12).

Na operação do Espírito Santo para os dias de hoje como promessa do próprio Jesus (Mc 16:16-18) e como aconteceu no dia de pentecostes como capacitação para testemunhar conforme At 1:8

Na Segunda Vinda pessoal de Cristo, ao mundo, para arrebatar a sua Igreja (1Ts.4.16-17; 1Co.15.51-54; Ap.19.14; Cl.3.4; Mt.24.30; Zc.14.5 e Jd.14).

Que todos os cristãos comparecerão ante o Tribunal de Cristo, para receber recompensa de acordo com as obras praticadas por meio do corpo (2Co.5.10).

No juízo vindouro que recompensará os fiéis e condenará os infiéis (Dn.12.2; Ap.20.11-15).

Num novo céu e numa nova terra onde habitaremos eternamente com Cristo (2Pe.3.13).

,

Nossa história

A IGREJA CRISTÃ GILEADE

 

Após alguns anos de reflexão e de profunda convicção teológica, alguns pastores em assembleia geral tomaram a decisão de deixar o ministério assembleia de Deus Betesda, na cidade de Fortaleza, Ceará, no dia 2 de agosto de 2007.

Em virtude dos profundos laços de relacionamento e afinidade doutrinárias, trinta e três pastores resolveram unir-se, fundando assim a Igreja Cristã Gileade e se organizaram provisoriamente em uma convenção. Durante os meses de agosto e setembro de 2007 foram fundadas as primeiras Igrejas Cristãs Gileade.

No dia 26 de setembro de 2007, os ministros das Igrejas Cristãs Gileade se reuniram para elegerem uma diretoria interina formada por: Pr. Manoel Filho, Pr. José Célio, Pb. Daniel Durand, Pr. Honório Neto, Pr. Arnaldo Cacau e Pb. Airton Barbosa, assim estava criada a CIMING – Convenção de Igrejas e Ministros Gileade.

No dia 26 de julho de 2008 os ministros da Gileade se reuniram para aprovarem o estatuto da Convenção.

No dia 01 de outubro de 2008 os ministros das Igrejas Cristãs Gileade, em assembleia geral extraordinária, legalizaram a Convenção de Igrejas e Ministros Gileade – CIMING,  e confirmaram o estatuto social com os órgãos administrativos: Diretoria, Conselho Ministerial e Comissão de Contas.

A relevância desta igreja está na sua própria decisão histórica de não abdicar da fé bíblica que reconhece o caráter imutável de Deus e seus atributos conforme expostos nas sagradas escrituras: Onisciência, onipotência, onipresença, imutabilidade e soberania. Cremos num único Deus infinitamente perfeito, subsistente em três pessoas: Pai, Filho e espírito Santo, conforme declaração de fé do nosso credo. Fundamentamo-nos na teologia pentecostal clássica e na solidez bíblica. Nossa única regra de fé e conduta é a bíblia.

A convenção das igrejas cristãs Gileade é constituída de igrejas autônomas, cujas comunidades (igrejas) com liberdade e responsabilidade administram seus próprios recursos, sejam eles financeiros, patrimoniais e administrativos.

 A IGREJA GILEADE DE JUAZEIRO DO NORTE


Gileade

A Igreja Cristã Gileade de Juazeiro do Norte nasceu com uma proposta: “Restaurar vidas”. Isso porque entendemos que o reino de Deus se expressa através de vidas humanas em movimento. Vidas que no percurso de sua existência se desviaram do plano original do criador, e foram machucadas, quebradas, aprisionadas.

Essa igreja nasceu a partir do sonho de um homem, Pr. José Ivan Sampaio, que sonhou com uma igreja que fosse capaz de restaurar a alegria de servir ao Senhor e transformar a vida das pessoas que ainda não conheciam Jesus, trazer de volta a alegria de viver, de estar junto a amigos, uma igreja capaz de entusiasmar e de contagiar a todos com o amor de Deus.

As pessoas necessitam de cura, o médico da Gileade é Jesus Cristo e o bálsamo é o seu sangue que tem poder para libertar os cativos e dar liberdade aos presos, quebrar as cadeias de satanás, restaurar a comunhão com o Criador e dar-lhes vestes de louvor. Pessoas que acreditavam estar no mundo por acaso, sem direção, sem propósito. Apesar da religião, carentes de Deus.

O sonho de um pastor que nasceu no próprio coração de Deus tornou-se realidade, E o próprio Deus providenciou o remédio e o lugar para serem curados. O lugar físico sem muitos atrativos, colunas pelo meio e pouco espaço, mas cheio da presença de Deus e uma Palavra viva que encheu os corações de alegria e a certeza que estavam no lugar certo.

No dia 30 de outubro de 2010 Pr. Ivan Sampaio e o Pr. Célio Sales inauguram a igreja Gileade em Juazeiro do Norte, já na inauguração fui dado posse ao então Pb. Franco Júnior a pastorear a igreja. A igreja que iniciou com um sonho agora contava com 6 (seis) famílias, o desafio era grande. Mas Deus tinha um propósito maior, não só restaurar vidas, mas fazer discípulos Seus.

Hoje todos compreendem que o propósito maior de suas vidas é viver para aquEle que por eles morreu. Com a vida totalmente restaurada agora irão trabalhar para restaurar outros. O remédio já alcançou familiares e ganharam de presente uma grande família que é a família Gileade de Juazeiro do Norte.

E neste lugar tem unção para curar, para renovar… O sopro do Espírito de Deus tem exalado o seu perfume sobre vidas, trazendo vida não apenas para sobreviver, mas vida em abundância, tem restaurado, transformado…

Igreja Cristã Gileade de Juazeiro do Norte, podemos dizer que… “O Espírito de Deus está sobre nós, porque o Senhor nos ungiu para pregar boas novas aos quebrantados; enviou-nos a curar os quebrantados de coração; à proclamar libertação aos cativos e por em liberdade os algemados… A fim de que se chamem carvalhos de justiça, plantados na casa do Senhor”.12289637_916077531802481_5258582439616970585_n

Após 5 (cinco) anos a igreja cresceu, hoje somos uma grande igreja, com muitos discípulos, grupos de crescimento, escola de líderes, hoje não somos um sonho, mas uma realidade, conquistamos muito no Senhor, formamos líderes e abençoamos vidas e famílias inteiras que se renderam o Senhor. O desafio hoje é maior, se no inicio era formar cerca 14 discípulos de Cristo, hoje é fazer com cada um dos cerca de 80 (oitenta) faça novos discípulos de Cristo.

Igreja Cristã Gileade em Juazeiro do Norte tem restaurado vidas em nome do Senhor Jesus.

 

… Porque há bálsamo em Gileade, remédio em Gileade e unção em Gileade.